Severino Melo não gostou da atitude de Raquel Lyra e emite desagravo a Raffiê Dellon

Em nota, Severino Melo diz que a “Chefe do Executivo Municipal” parece que trata os “adversários políticos” como “inimigos perpétuos”

Severino Melo

Severino Melo

Caríssimo Raffiê Dellon!

Bem sei quão educado você o é. Ainda que em hostes distintas na eleição municipal de 2012, quando submeti o meu nome ao povo de Caruaru pleiteando uma vaga de Vice-Prefeito, pude em alguns debates televisivos contar com seu olhar complacente diante das verdades que fiz vir a lume, nos estúdios improvisados de então.

Em 2016, foi minha vez, enquanto eleitor, de votar em você para Vice-Prefeito, motivo maior de declarar o meu voto a Tony Gel, no segundo turno, por entender que vocês só sabem conjugar o verbo convidar e nunca o inexistente “desconvidar” que, a rigor, não faz parte do nosso democrático vernáculo.

A atual gestão da Prefeitura de Caruaru quis brincar com coisa séria!

Ora, um documento oficial, timbrado e assinado, pela Secretária Municipal de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, datado de 27 de julho, convida uma autoridade do trânsito para palestrar sobre “Isenção de Impostos na Compra de Veículos” e “Gratuidade na Carteira Nacional de Habilitação”, isto na Semana Municipal da Pessoa Com Deficiência, cuja coordenação está sob os auspícios de Rosimary da Apodec, mas que obedecendo a hierarquia, foi assinado por Ana Cristina Dubeux Dourado, Secretaria Executiva de Direitos Humanos, o tal ofício dava conta que, o convite era feito pelo Governo do Estado e pela Prefeitura Municipal ao Diretor da 4ª CIRETRAN, sua senhoria Raffiê Dellon.

Outrossim, ao que parece a “Chefe do Executivo Municipal” foi a última a saber e aí, determinou através de “Embargo Auricular” o “desconvite”, parecendo até que trata os “adversários políticos” como “inimigos perpétuos”.

Meu Caro Raffiê Dellon, digo e repito, você é um jovem de futuro brilhante! Não sou profeta e nem visionário, como dizia a meu respeito, o grande coordenador de campanha política, José Carlos Menezes, mas eu aposto todas as minhas “cartas” em você, cujo sucesso maior está no porvir.
Desde 2004 que sempre afirmei que Caruaru tem dono. Aliás donos alternativos. A dicotomia sempre imperou e o poder sempre foi dividido entre dois ou três grupos, nunca dando margem à renovação real do poder na Capital do Agreste.

Não se aflija com o que ora lhe aconteceu. Essa perseguição é antiga. Vem do tempo que lhe tomaram o partido…

Eu creio em você enquanto homem público. Atesto a sua honradez. Parabenizo a organização com a qual dirigiu outros órgãos públicos estaduais e, certamente, você marcará com tinta indelével a sua passagem pela 4ª CIRETRAN, sediada em Caruaru.

Eia e avante!

Entre você e o evento, quem perdeu o brilhantismo da sua fala foi o próprio evento, que Deus dê humildade e largueza de mentalidade e serenidade de espírito àqueles que se julgam capazes de representar nosso povo tão sofrido e infeliz.

Severino Melo – smelo2006@gmail.com – fone / zap 999727818 – Para quem mandato não é emprego e política não é profissão.

Sobre o Autor

Jornal de Caruaru

O Jornal de Caruaru constantemente pratica a reprodução de conteúdo com menção da fonte. Algumas imagens e matérias postadas são de fontes diversas (internet). Caso você seja o detentor dos direitos de algum vídeo, imagem, texto ou qualquer outro conteúdo publicado e seja contrário a exibição em nosso site, favor entrar em contato conosco através do e-mail: jornaldecaruaru@gmail.com para que possamos retirar ou incluir os devidos créditos.

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado.
Campos obrigatórios*