Artigo: O Fio da Tramontina – Por Severino Melo

Todos sabem que a Tramontina é uma indústria de laminados (facas, tesouras, teçados, garfos, colheres e etc) e que sua sede fica em Carlos Barbosa, no Rio Grande do Sul, onde tive o prazer de visitar as suas instalações no ano da graça de 2003.

Severino Melo

Severino Melo

Quando alguém diz a verdade, as pessoas costumam dizer que ela tem a língua afiada.

Outrossim, foi o próprio Cristo que disse: “Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará”.

Retornando à faca amolada da Tramontina, gostaria de fazer um paralelo com a fala do Jair Bolsonaro, com a qual concordo, para a salvação do que restou do Brasil.

1 – Todos somos iguais! Ou pelo menos deveríamos ser. Branco, preto, pobre, rico, feio, bonito, sexuado ou assexuado, enfim, na essência somos todos humanos e, portanto, todos irmãos. Então, cada vez que se cria uma quota, está se dividindo cada vez mais, o que já é dividido. Se os cérebros são iguais, não vai ser a cor da pele ou o poder econômico da pessoa que a fará melhor ou pior que as demais.

2 – Há um versículo no livro dos Provérbios, no qual o sábio Salomão (espero que não discordem que Salomão era sábio) assim assevera: “Ensinai a criança o caminho em que deve andar, pois ainda quando for velho não se desviará dele”. Afirmar que, uma criança vai escolher o seu sexo quando crescer é, no mínimo, titubeante. Já dizia Rui Barbosa: “A família é a célula “máter” da sociedade”. Infelizmente, nos tempos hodiernos, as exceções é que estão virando regra.

3 – Uma diretora de escola, no interior do Rio Grande do Norte, foi chamada de homofóbica, porque, em nome da moral e dos bons costumes, determinou que o “casal de rapazes”, não continuasse sentado no colo um do outro em plena sala de aula. Os valores estão invertidos e a “ditadura” atual é a do homossexualismo. Duvido que numa escola militar isso viesse a ocorrer. Afinal de contas, as intimidades sempre foram circunscritas às quatro paredes das alcovas.

4 – Você armado pode matar ou morrer, desarmado só morre. É o que tem acontecido desde o advento do Estatuto do Desarmamento. O governo enganou a população. Prometeu dá segurança. Prometeu desarmar os bandidos. Utilizou até a própria Polícia Federal para incentivar que a população entregasse as armas. Arranjou dinheiro público para pagar indenização. Anistiou quem tinha arma irregular, até armas “furtadas” e ou “roubadas” foram pagas pelo governo do PT… Bolsonaro promete colocar os bandidos em situação de inferioridade de “fogo” e devolver ao cidadão o instituto da Legítima Defesa.

5 – Castração química para os estupradores! Há quem diga que é radical demais… A enquete deveria ser feita com as mulheres que já foram estupradas! Acredito que elas não quisessem só castrar, mas sim, eliminar peremptoriamente o seu estuprador.

6 – Direitos Humanos para Humanos Direitos… Nunca os bandidos comuns e os de “colarinho branco” foram tão bem tratados neste país. É triste saber-se que somos governados por uma “formação de quadrilha”, a serviço da corrupção ativa e passiva. Nunca a Previdência Social terá superávit porque por mais que se arrecade os “quadrilheiros” levam todo o arrecadado como aconteceu nos últimos anos. Os beneficiários dos ditos “direitos humanos” são exatamente os meliantes mais “desumanos”. Menores inimputáveis; bandidos reincidentes; e larápios das verbas públicas!

7 – E, ao final, ainda é a “polícia” a culpada por distribuir tiros e não flores àqueles que a agride, “com grosso calibre”, na guerra do dia a dia. Ai do Estado que não prestigia a sua polícia. O Brasil precisa de um tratamento de choque. O bandido é para ter medo do cidadão e não o cidadão do bandido. A legítima defesa não pode beneficiar aquele e ou aquela que faz do crime a sua regra de fé e prática. E o Estado? Economiza até na formação do seu policial. Já ouviram falar em treinamento de fuzil para policial? Muito temerário mandarem eles para as ruas com armas que nem sabem manejar. Dos quatro cursos da vida policial: Formação, treinamento, especialização e aperfeiçoamento, muito mal o primeiro é oferecido pelas academias de polícia, e ainda querem que cada policial, mal formado, mal pago, maltratado, seja um Paladino da Justiça.

Tem nada não! Bolsonaro vem aí e dará um jeito de minorar todas essas mazelas!
——————————————————————————————————————————————————————————
Severino Melo – smelo2006@gmail.com – fone 999727818 – para quem mandato não é emprego e política não é profissão.

Categorias: Artigos & Opinião

Sobre o Autor

Jornal de Caruaru

O Jornal de Caruaru constantemente pratica a reprodução de conteúdo com menção da fonte. Algumas imagens e matérias postadas são de fontes diversas (internet). Caso você seja o detentor dos direitos de algum vídeo, imagem, texto ou qualquer outro conteúdo publicado e seja contrário a exibição em nosso site, favor entrar em contato conosco através do e-mail: jornaldecaruaru@gmail.com para que possamos retirar ou incluir os devidos créditos.

Deixe um comentário

Você está autenticado como Jornal de Caruaru | Sair

Seja o Primeiro a Comentar!

Notify of
Jornal de Caruaru
wpDiscuz