Rubenildo Ferreira de Moura é notificado pelo MPF para prestar esclarecimentos sobre merenda escolar

O MPF quer saber o porque da gestão municipal ter contratado, através de dispensa de licitação, uma empresa que iniciara suas atividades há menos de um mês.

Rubenildo Moura

Rubenildo Ferreira de Moura

O Ministério Público Federal (MPF) notificou o secretário de Educação de Caruaru, Rubenildo Ferreira de Moura, para comparecer a uma oitiva no dia 11 deste mês, a fim de prestar depoimento no inquérito instaurado pelo órgão, que investiga suposta irregularidade na contratação de gêneros alimentícios para a alimentação escolar a envolver a pessoa jurídica JV de Abreu Distribuidora de Alimentos e a Prefeitura de Caruaru, no ano de 2017.

O MPF abriu inquérito para investigar o porque da gestão municipal ter contratado, através de dispensa de licitação, por valor superior a 1 milhão de reais, uma empresa que iniciara suas atividades há menos de um mês, assim como esclarecer as sucessivas contratações da referida empresa por dispensa de licitação nos cinco primeiros meses do ano.

Na abertura do inquérito, o procurador que atua em Caruaru pediu também para a Procuradoria Regional da República, órgão do MPF de segunda instância no Recife, abrir uma investigação preliminar sobre a prefeitura, pela dispensa de licitação.

MPF - Rubenildo Ferreira de Moura - notificação

As investigações são federais porque a Prefeitura de Caruaru recebe complementação de verba da União para a merenda.

Categorias: Geral

Sobre o Autor

Anita Torres

Algumas imagens e matérias são de fontes diversas (internet). Caso você seja o detentor dos direitos de algum vídeo, imagem, texto ou qualquer outro conteúdo publicado e seja contrário a exibição em nosso site, favor entrar em contato conosco através do e-mail: jornaldecaruaru@gmail.com para que possamos retirar ou incluir os devidos créditos.

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado.
Campos obrigatórios*