Adilson Cardoso

Voltar à Página Principal
Adilson Cardoso

Crônica do Dia – Travessia da Noite – Por Adilson Cardoso

Todos os dias o velho estava sentado em frente aquele portão. O numero era de alumínio descascado, um sessenta e seis com apenas a parte de cima presa em um

Adilson Cardoso

Crônica do Dia – Desordem Moral – Caos Social – Por Adilson Cardoso

Guerreiro foi flagrado em exame antidoping. Ele é o principal jogador do Peru que disputa uma vaga na repescagem para a Copa do Mundo na Rússia em 2018, após muitos

Adilson Cardoso

Crônica do Dia – Réu Primário – Por Adilson Cardoso

Parecia um dia normal, quarta-feira quente, sol de quase quarenta graus no asfalto, chegando a trinta e sete na sombra. As pessoas se apertavam sob a cobertura do ponto de

Adilson Cardoso

Crônica do Dia – Resposta do Tempo – Por Adilson Cardoso

“Um dos professores era conselheiro do Cruzeiro Esporte Clube que á época treinava na Toca II no Barro Preto” Lembrava-se do dia e a hora em que contraíra a estranha

Adilson Cardoso

Crônica do Dia – A Final da Copa do Brasil e Outras Coisas – Por Adilson Cardoso

Quarta-feira atípica, final de Copa do Brasil nos gramados de Minas Gerais. Povo aceso, olho grudado na televisão, Cruzeirenses envoltos no manto azul se apegando as suas devoções, cruzando os

Adilson Cardoso

Crônica de um Domingo de Ressaca – Por Adilson Cardoso

“As batidas teimavam no mesmo ritmo, o cachorro latiu nos fundos ampliando o desconforto na minha cabeça inchada pelo álcool“ A morte do jornalista Marcelo Rezende foi anunciada a tarde,

Adilson Cardoso

Crônica do Dia – A Prostituta e o Motoqueiro (Cena 0l) – Por Adilson Cardoso

MOTO (OF) anda em velocidade moderada. É um MOTOTAXI levando uma passageira. As ruas estão escuras. O condutor puxa conversa. Ela fala com indiferença, responde as perguntas em tons de

Adilson Cardoso

Crônica do Dia – O dia Marcado – Por Adilson Cardoso

A ocorrência que chegou às autoridades do Condado de Nova Esperança próximo a Montes Claros, na sexta-feira (25), dizia que uma mulher armada havia se escondido em uma casa, ameaçando

Adilson Cardoso

Crônica do Dia – O velho carrasco – Por Adilson Cardoso

Maria Odete saia ás seis e trinta da manhã para uma cansativa jornada de doze horas ou mais, já que constantemente se obrigava a fazer extras a mando do chefe.

Adilson Cardoso

Crônica do Dia – O Misterioso crime da Rua Rubelita – Por Adilson Cardoso

A meteorologia não havia anunciado chuva, eram dezoito horas vinte e quatro minutos. O vento frio sacudia a cortina em frangalhos, baratas saiam em busca de abrigo, dois olhos congelados

Adilson Cardoso

Crônica do Dia – Xifópagas – Por Adilson Cardoso

— Meu nome é Crisântemo. Chamam-me de Cris, sou irmã da Lírio. Nascemos unidas em um só corpo, a medicina nos trata como Xifópagas. Quero que esta carta apelo corra

Adilson Cardoso

Crônica do Dia – 24 Horas – Por Adilson Cardoso

Piriguete é alcunha de modernidade, pouco tempo depois de a turma descer da Arca de Noé, já havia gente dando trabalho e outras coisas. Mas nenhum registro se compara as

Adilson Cardoso

Crônica do Dia – Pré Fácil – Por Adilson Cardoso

Bem, primeiro quero dizer, antes de tudo, que não conto lorotas, tampouco algo que não seja verdade, não gosto de inventar coisas principalmente quando são coisas escutadas. Esta narrativa que

Adilson Cardoso

Crônica do Dia – Palmas para que te quero – Por Adilson Cardoso

O auditório estava claro, o ar condicionado ligado e as pessoas cheiravam a perfumes diversos, sabonetes importados, cabelos tingidos e escovados, era clima de festa. O mestre de cerimônias lia

Adilson Cardoso

Crônica do Dia – Do outro lado do morro – Por Adilson Cardoso

À medida que o morro ia diminuindo o paredão ia aumentando. Para chegar-se até o outro lado do morro da Batata era preciso seguir toda aquela estrada. Quando o relógio

Adilson Cardoso

Crônica do Dia – A Fuga de Simileide – Por Adilson Cardoso

Fanico descia a rua de cabeça baixa, naqueles dias de chuva era foda de caminhar por ali, pois metade do asfalto estava rachado e os pés se atolavam na lama

Adilson Cardoso

Crônica do Dia – Confissões de um Ladrão – Por Adilson Cardoso

Muitos curiosos se acotovelavam. Jornalistas de todas as redondezas queriam exclusividade. O delegado ameaçava uma prisão em massa. Mas o ladrão não se movia daquele canto. “Vejam ele não está

Adilson Cardoso

Crônica do Dia – A farsa do lado de lá – Por Adilson Cardoso

A fome de conquista das religiões sangrava em todos os continentes, a cada dia novos templos se erguiam, portas eram abertas e letreiros pintados. Tudo em nome de Deus, em

Adilson Cardoso

Crônica do Dia – O dia seguinte – Por Adilson Cardoso

“Um cacoete repentino tremera a pálpebra direita, as mãos suaram e a boca amargara. “ Era como irmãos siameses, viviam grudados desfrutando da vida. Farras intermitentes eram um dos artigos

Adilson Cardoso

Crônica do Dia – O Relógio – Por Adilson Cardoso

“O mais antigo instrumento de marcar as horas foi o “relógio do sol” que foi inventado pelos babilônios e tinha um funcionamento simples: uma haste vertical se projetava do centro

Adilson Cardoso

Crônica do Dia – As Horas Extras – Por Adilson Cardoso

O estacionamento da Empresa ficava duzentos metros depois da porta de saída da sessão, trabalhar doze horas com intervalo de apenas sessenta minutos, se fartando do cheiro nauseante de borracha